A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) publicou na última quarta-feira (18/09) a tão aguardada RDC 304/19, que estabelece as Boas Práticas de Distribuição e Armazenagem e de Transporte de Medicamentos, alinhada com as mais modernas normativas mundiais.

“Trata-se de um novo marco regulatório no qual pudemos contribuir indiretamente através do compartilhamento da vasta experiência da Soluto com o setor regulado e agência reguladora, agindo de forma entusiástica para que o mercado pudesse contar com uma regulação direcionada e específica. A RDC agora aborda de forma clara o alcance das diretrizes para os Distribuidores, Armazenadores e Transportares, o que facilitará, inclusive, na definição das responsabilidades da cadeia de valor e também a sua implementação” diz Gisele Pimenta, do Grupo Soluto.

No documento, o órgão estabelece um novo conjunto de requisitos com o objetivo de conservar a qualidade dos medicamentos por meio do controle adequado durante o processo de distribuição e armazenagem. Mas atenção, as empresas que conduzem essas operações terão 180 dias para se adequar. Foi estabelecido também que durante esse período de transição a companhias deverão demonstrar progresso na implementação dos requerimentos desta RDC.

O objetivo principal da regulamentação é assegurar a qualidade dos medicamentos no Brasil.
Conheça a RDC na íntegra acessando o link: https://bit.ly/2mpckyP